Secções

📣 Linha de Apoio à Qualificação da Oferta ✅

📣 Linha de Apoio à Qualificação da Oferta ✅
 

A Linha de Apoio à Qualificação da Oferta está aberta em contínuo. Destinada ao financiamento a médio e longo prazo de projetos turísticos.

Para acederem à Linha de Apoio à Qualificação da Oferta 2021, as empresas turísticas devem prever a realização de investimentos nas áreas da gestão ambiental e da acessibilidade. Todos os projetos devem obter uma pontuação global mínima nestas duas áreas, sendo que, para aferir se o projeto cumpre essa pontuação, a empresa deverá aceder ao SGPI e escolher a opção “Avaliação da Sustentabilidade e Acessibilidade do Projeto”.

 

📑 TIPOS DE PROJETO

> Requalificação e reposicionamento de empreendimentos, estabelecimentos e atividades respeitantes às atividades económicas definidas (incluindo ampliação);

> Criação de empreendimentos, estabelecimentos e atividades respeitantes às atividades económicas definidas, desde que implementados nos territórios de baixa densidade, adequados à procura turística atual ou potencial, supram carências de oferta e acrescentem valor à oferta existente na região;

> Empreendedorismo* (empreendimentos, equipamentos ou atividades de animação turística - CAE Grupos 931 e 932 - e serviços associados ao setor do turismo, com particular enfoque nos de base tecnológica).

* Até 500 mil euros de investimento elegível; promovidos por pequenas ou médias empresas a criar ou criadas há menos de dois anos.

 

📊 CONDIÇÕES DE ACESSO DAS EMPRESAS

> Cumprir as condições legais necessárias ao exercício da respetiva atividade, nomeadamente encontrarem-se devidamente licenciadas para o exercício da mesma e devidamente registadas no Registo Nacional do Turismo, quando legalmente exigível;

> Possuir uma situação económico-financeira equilibrada;

> Possuir a situação regularizada perante a Administração Fiscal, a Segurança Social e o Turismo de Portugal;

> Não ter salários em atraso, salvo situações em pendência judicial;

> Possuir um quadro de pessoal adequado ao desenvolvimento da respetiva atividade.

 

💰FINANCIAMENTO

> Natureza: reembolsável sem juros (parcela de financiamento do Turismo de Portugal) com prémio de desempenho associado

> Valor máximo: 80% do custo elegível (Capitais Próprios: mínimo de 20% sobre o investimento elegível)

> Repartição do financiamento:

> Projetos especiais (empreendedorismo; territórios de baixa densidade; valorização do Algarve): 75% Turismo de Portugal / 25% Banco

> Prazos máximos: 15 anos de reembolso, incluindo 4 anos de carência

 

✅ PRÉMIO DE DESEMPENHO

> Conversão de parte do financiamento do Turismo de Portugal em fundo perdido:

- Micro e pequenas empresas: 30%; Médias Empresas: 15%; Grandes Empresas: 5%

> Condições a observar para atribuição do prémio (3º ano completo após início da exploração)

> Volume de negócios; VAB; Postos de trabalho

 

Se prefere passar já à ação agende uma reunião e dê o primeiro passo para receber a sua parte dos fundos comunitários.

José Vila Cardoso – CEO

jose@adso.pt | +351 938 454 798

http://www.linkedin.com/in/josevillacardoso

 

SOBRE O PROGRAMA PORTUGAL 2030

O Portugal 2030 é um programa de incentivos ao investimento e acesso a fundos comunitários com o objectivo de proporcionar financiamento empresarial que fomentem a internacionalização de empresas, proporcionem um incentivo ao emprego, empreendedorismo e inovação nas empresas.

Tudo sobre programas e sistemas de incentivos às empresas e candidaturas Portugal 2030 em https://adso.pt/portugal2030/pt2030

Partilhar
Testemunhos

“ADSO= Inovação e Competência. Mais que um fornecedor de serviços são parceiros estratégicos.” Filipe Silva – FAFstone

“Pela seriedade, profissionalismo e empenho! Sabe "vestir" a nossa camisola!” António Ressurreição

 
 
 
Top